A Polícia Federal (PF) e a Polícia Militar (PM) desencadearam uma operação nesta quarta-feira (7) para combater a remessa de drogas através dos Correios. As investigações por parte da PF tiveram início com a apreensão de inúmeras correspondências com ecstasy e micropontos de LSD em diversos locais do país, sendo todas remetidas com endereços da cidade de Poços de Caldas.

Pelo menos 10 envelopes foram interceptados em cidades brasileiras (fotos:PM)

Policiais federais identificaram os dias e horários da semana em que o traficante encaminhava as correspondências. Nesta quarta-feira, com o apoio da PM,  a PF monitorou e prendeu D.A.F, após ele ter concluído a postagem de mais um envelope na agência dos Correios da rua Marechal Deodoro. Aquela não seria a única postagem. Ele tinha um segundo envelope e iria remeter em outra agência.

No envelope que estava nas mãos do autor foram encontrados cerca de 300 comprimidos de ecstasy e micropontos de LSD.

No carro usado pelo autor foi encontrado um terceiro envelope com mais drogas. Foi descoberto que ele apenas realizava as postagens e que a droga pertencia a J.S.F.. Por envelope postado ele recebia R$ 100.

Os policiais estiveram na casa do segundo autor, na Zona Oeste, onde o suspeito foi preso. Com ele foram apreendidas mais drogas, maconha e haxixe, além de dinheiro e ainda as mesmas embalagens apreendidas nos Correios.

A namorada de J.S.F. também foi presa. As investigações apontam que ela auxiliava nas transações interestaduais e na embalagem da droga.

O trio foi preso por tráfico de drogas e associação para o tráfico e foram levados para a Delegacia da Polícia Federal em Varginha.

Pelo menos outros 10 envelopes foram apreendidos em outras localidades. Em cada uma havia uma média de 300 comprimidos, que no varejo são repassados a R$ 50.

O post PF e PM desmontam esquema de venda de ectasy pelos Correios em Poços apareceu primeiro em Poços Já Cidade.