A professora Lucia Elisa Sanchez, de 51 anos, foi morta com cerca de 50 golpes de faca na tarde do último domingo (5), em São João da Boa Vista (SP). O executor do crime foi o próprio filho dela, Victor Sanchez, de 32 anos. Segundo informações da polícia, ele estava desesperado por drogas e queria que a mãe lhe desse dinheiro.

O crime aconteceu na casa da vítima, no Condomínio América Central, à rua Atílio André Rubbo, Parque das Nações. Quando a polícia chegou, o assassino estava no local. Ele tentou se esquivar da culpa, dizendo que o namorado da mãe teria feito aquilo. A vítima estava caída na cozinha, com muito sangue ao redor e já sem vida.

Filho tentou enganar os policiais, mas acabou confessando diante das provas (fotos: Redes Sociais)

A polícia descobriu ainda no local que Victor estava mentindo. Em um dos banheiros da casa foram encontradas roupas sujas de sangue e pegadas, também de sangue, por todo o apartamento. Com as provas apontando para ele, o rapaz acabou confessando. Disse aos policiais que surtou quando a mãe se recusou a lhe dar dinheiro para comprar drogas.

O rapaz ainda deu detalhes do crime, contando que sua primeira investida contra a mãe ocorreu com uma jarra de vidro. Em seguida, ele desferiu os golpes.

A polícia descobriu ainda que, após matar a mãe, o rapaz foi até um posto de combustíveis, com o cartão dela, e conseguiu dinheiro para comprar as drogas. Ele foi preso e encaminhado à delegacia.

O post SÃO JOÃO DA BOA VISTA | Professora é morta com cerca de 50 facadas apareceu primeiro em Poços Já Cidade.