A prefeitura de Poços de Caldas quitou, na manhã desta terça-feira (9), sua dívida com a empresa Liarth, responsável pela coleta de lixo, após alguns trabalhadores iniciaram uma paralisação por falta de pagamento.

Segundo os funcionários, o atraso no repasses fez com que seus salários não fossem pagos integralmente. A assessoria de comunicação da prefeitura confirma o atraso, e pontua que o pagamento foi feito nesta terça-feira, e não haverá interrupção do serviço. Já a empresa vai apurar a conduta dos funcionários, que podem ter agido politicamente.

A manifestação por parte de alguns funcionários da coleta de lixo foi anunciada pela manhã. Os trabalhadores optaram por não saírem às ruas para fazer as coletas, depois de não terem seus salários do mês de setembro pagos integralmente.

Segundo Paulo Ney, da assessoria de comunicação da Prefeitura, o atraso no pagamento realmente aconteceu. Ele explica que o Governo do Estado pagou apenas um terço do ICMS do mês, prejudicando a administração pública em quitar com suas obrigações. Porém, na manhã desta terça-feira, a Secretaria de Fazenda já regularizou a situação.

Com a regularização os funcionários retomaram o trabalho. A coleta está atrasada, mas será realizada.

A advogada da empresa Liarth esclareceu que realmente houve um problema sazonal. Sete funcionários manifestaram interesse em paralisar, mas que saíram para o trabalho ainda nesta manhã. Ela pontua ainda que a conduta deles será avaliada, para saber se a reação foi política ou não.

Foi esclarecido ainda que o atraso nos pagamentos por parte da prefeitura são previstos em edital.

 

O post Prefeitura quita dívida com empresa de coleta de lixo após ameaça de paralisação apareceu primeiro em Poços Já Cidade.