Um homem de 37 anos é acusado de agredir a namorada e a manter em cárcere privado. A vítima relatou, nesta terça-feira (7), que ficou sem poder sair sozinha por 11 dias e chegou a ser agredida com um rodo.

O caso veio à tona quando a vítima, de 32 anos, procurou a Polícia Civil. Segunda a mulher, desde o dia 26 de julho ela era proibida de sair de casa e de fazer contato com seus familiares e só ela podia sair à rua acompanhada do namorado.

A vítima contou ainda que também foi agredida. Na segunda-feira (6) o namorado lhe deu socos e empurrões, a trancou em um banheiro durante parte da tarde e depois voltou a agredi-la com golpes de rodo que lhe deixaram marcas pelo corpo. Isso tudo em meio à ameaças.

Com a queixa registrada a Polícia Militar foi acionada e acompanhou a vítima até a casa do namorado, no bairro Estância São José, para buscar seus pertences. Ela ainda entregou aos militares um pedaço de maconha que, segundo ela, pertence ao agressor.

O suspeito não estava no imóvel e não foi encontrado. O caso deve ser apurado pela Delegacia da Mulher e uma medida protetiva já foi expedida para a vítima.

 

 

O post Mulher denuncia cárcere privado e agressões por parte do namorado apareceu primeiro em Poços Já Cidade.