Um grupo de 18 passageiros ficou apreensivo após o ônibus em que estava ser apreendido pela Agência Nacional de Transporte Terrestre na última sexta-feira (11), em Mogi Guaçu (SP). O veículo saiu de Poços de Caldas (SP) com destino ao aeroporto de Viracopoços.

O ônibus de uma empresa de Mogi Guaçu estaria fazendo o transporte de forma irregular, segundo dois agentes da ANTT. A abordagem aconteceu na SP-340 e foi constatado que a empresa não tinha autorização para o transporte. Para não ficar na rodovia, o grupo de passageiros foi levado, pelo próprio ônibus, até a rodoviária de Mogi Guaçu, onde foi apreendido.

A empresa guaçuana foi contratada para fazer o transporte dos passageiros que estavam participando de um congresso sobre universidades federais, realizado em Poços de Caldas, tendo como destino final São Luís (MA).

O grupo ficou apreensivo, com medo de perder o embarque, mas a ANTT esclareceu que é obrigação da empresa de transporte contratada arcar com todos os prejuízos dos passageiros.